Sábado, 10 de Dezembro de 2005

Almas entrelaçadas



...A razão porque me dói tanto a nossa separação é porque a minha alma se entrelaçou na tua. Talvez sempre tenha estado e sempre o fique. Talvez tenhamos vivido milhares de vidas antes desta, e em cada uma nos tenhamos reencontrado e amado. E talvez que, em cada uma, tenhamos sido separados pelos mesmos motivos. Isto significa que esta despedida é, ao mesmo tempo, um adeus pelos últimos mil anos e um prelúdio ao que virá.

Sei que gastei todas as vidas antes desta à tua procura. Não de alguém como tu, mas de ti. E assim, por uma razão que não entendo, fomos obrigados a dizer adeus um ao outro. Adoraria dizer-te que tudo correrá bem para mim e procurarei fazer tudo o que puder para que assim seja. Mas se nunca nos voltarmos a encontrar e isto for verdadeiramente um adeus, sei que nos veremos ainda noutra vida. Iremos nos encontrar de novo e talvez as estrelas tenham mudado e nós, não apenas nos amemos nesse tempo, mas por todos os tempos que vivemos antes...



04/05/2005
publicado por emptysoul às 09:55
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De viviane a 9 de Março de 2006 às 23:20
Nunca li algo tão profundo e verdadeiro.Serviu pra mim neste presente momento,qdo mais eu precisava ler algo.Parabéns.


De Maria a 26 de Dezembro de 2005 às 19:17
Há almas que se AMAM!Que ficam interlaçads e juntas enquanto vivem neste planeta terra!Felicidade para si!


De marta a 12 de Dezembro de 2005 às 21:23
oi gostei mt de visitar o teu cantinho...ta mt bonito voltarei mais vesses
espero k tb gostes do meu e k voltes sp tambem
e k deixes a tua opiniao ( fantasya =))
o meu blog é: http://fantasyas.blogs.sapo.pt

<
[Error: Irreparable invalid markup ('<há>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

oi gostei mt de visitar o teu cantinho...ta mt bonito voltarei mais vesses
espero k tb gostes do meu e k voltes sp tambem
e k deixes a tua opiniao ( fantasya =))
o meu blog é: http://fantasyas.blogs.sapo.pt

<<Há um silêncio medido
que decresce, interrompido
por uma chuva noturna e grossa.
Há pneus passando
logo em frente desta porta.
São chiados transitórios de trânsito,
que cortam em partes esta noite.
Há uma memória de beija-flor
visto pela tarde
conectando inquietos pensamentos.
Há sementes de girassóis,
para eu plantar, só para te contar.
Há orquideas esquecidas nos xaxins
bebendo águas em gotas.
Há uma rua tão calada,
cães que agora não ladram,
televisões desligadas.
Há uma mulher sem sono
em cama macia e quente
e há um amor ausente...>>


De Cleopatra a 11 de Dezembro de 2005 às 13:52
Lindo!
Quem ama já amou ou não vive sem amar

Quem ama poucas vezes, uma ou duas na Vida...
Mas ama com profundidade, com loucura, com entrega, como só se pode amar...

Quem já viveu e sentiu isso....

Lê o seu texto e sabe o que é Amar!

parabéns pelo Blog.

Continue a Amar.

Não desista.


De Henrique Moreira a 11 de Dezembro de 2005 às 01:48
Almas interlaçadas são inseparáveis, mesmo que se criem distâncias entre os corpos e até mesmo entre os corações. Só que essas distâncias doem demais, eu sei.


De Maria Papoila a 10 de Dezembro de 2005 às 11:30
Que belo texto, um texto onde se fala muito mais que de amor, de amor total de duas almas que se encontram pela eternidade. Não é nem pode ser um adeus, mas um até breve! Belíssimo


De Maria do Cu Costa a 10 de Dezembro de 2005 às 10:25
Um texto de sentimentos. Que se criam-se e depois doiem, como o separam de duas almas. Bom fim de semana. Beijinhos.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Stylesheet

. principal

. Ao fechar os olhos...

. Teu corpo é um diálogo se...

. Teu Corpo

. Vem deitar-te a meu lado

. Promessa

. Mensageira

. Faz amor comigo

. Eu sei...

.arquivos

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds