Domingo, 5 de Novembro de 2006

Versos molhados


Gostaria de ser algo suave
Passar por ti e sentir
Lentamente...
o perfume da tua pele
O calor da tua boca...
a suavidade do teu olhar
Gostaria de sentir os teus dedos
dedilhando no meu corpo
acordes perfeitos
melodias ofegantes
versos molhados...


publicado por emptysoul às 09:03
link do post | comentar | favorito
|
11 comentários:
De maria a 17 de Novembro de 2006 às 09:45
encontrei por acaso este cantinho tao apetecivel.
muito bonito mesmo... perde-se tempos infinitos envoltos nestes textos...jinhooo adorei


De Nylda a 16 de Novembro de 2006 às 16:42
Olá amiga linda,vim deixar um sorriso...
O Valor de um Sorriso não custa nada e rende muito...
Enriquece quem recebe, sem empobrecer quem dá...
Dura somente um instante, mas seus efeitos duram para sempre...
Ninguém é tão rico que dele não precise...
Ninguém é tão pobre que não possa dar a todos...
Leva a felicidade a todos e a toda parte...
É o símbolo da amizade, da boa vontade...
É o alento para os desanimados, repouso para os cansados,
raio de sol para os tristes, ressurreição para os desesperados...
Não se compra não se empresta...
Nenhuma moeda do mundo pode pagar o seu valor...
Não há ninguém no mundo que precise tanto de um sorriso,
como aquele que não sabe mais sorrir...
Bom fim de semana para ti!

Beijos e um Sorriso!


De Fanny a 16 de Novembro de 2006 às 10:02
Obrigada Anamar pela tua visita, já há algum tempo, no meu blog. Só agora ando a agradecer tanta visita que me fizeram...rsrsrsr...

Gostei do teu blog...respira-se sensualidade e fazes uma boa selecção de textos e e imagens. Voltarei, ok?

Um abraço de estrelinhas*

Fanny


De Maria a 12 de Novembro de 2006 às 23:25
O amor escorre por entre os dedos da aurora,no abraço do tempo,nos olhos de quem olha.
Lindo este teu poema.
Beijinhos
Maria


De Nylda a 10 de Novembro de 2006 às 15:29
Olá Linda...
Uma palavra!!
Essa tal palavra que tanto significa,
palavra pequena de grande impacto
Descreve-la, quase impossível.
Será que eu, uma simples pessoa conseguiria?
Posso tentar, do que preciso?
De uma pessoa que seja sincera!!
Aonde eu acho?
Esta aqui! Aonde? Lendo isto!
Não entendes?!
Pois...essa pessoa, és tu.
Tu és a pessoa que jamais teria medo ou vergonha
de dizer que amo...
tu és aquele/a que sei que posso chamar de amigo/a
Amigo/a é aquele que sem medo de ser mal interpretado
diz que ama e é sempre amado/a.
Bom fim de semana para ti.
Beijos e um sorriso.





De Maria a 8 de Novembro de 2006 às 19:49
Está bonito este seu poema!Uma semana cheia de surpresas agradáveis! Beijinho.


De Juda a 8 de Novembro de 2006 às 01:15
Eu não deixo de passar por aqui, as palavras e a musica são sempre uma boa perspectiva... um abraço...


De Maria a 6 de Novembro de 2006 às 09:48
Olá!
Gostei muito do seu blog, sempre que o tempo permita passarei por cá.
Uma boa semana!!!


De Mikas a 5 de Novembro de 2006 às 22:08
Aqui as palavras bebem-se com sofreguidão....


De lua-oculta a 5 de Novembro de 2006 às 13:56
Gostei...amei...


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Stylesheet

. principal

. Ao fechar os olhos...

. Teu corpo é um diálogo se...

. Teu Corpo

. Vem deitar-te a meu lado

. Promessa

. Mensageira

. Faz amor comigo

. Eu sei...

.arquivos

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds